GeralNotícias

Prefeitura de Cruzeiro do Sul assina contrato com barqueiros para prestação de serviços

0

Segundo levantamento realizado pela Fecomércio/AC no último dia 12 de abril, o custo médio da cesta básica de alimentos chega a R$ 598,90 e afeta, principalmente, a população de baixa renda de Rio Branco. Ainda de acordo com a pesquisa, a carne representa o maior valor na composição da estimativa de produtos. A consulta é baseada em cálculos de preços de 15 produtos alimentícios comercializados em três supermercados da capital acreana.

De acordo com o assessor da presidência da Fecomércio/AC, Egídio Garó, a cesta básica, após um período de diminuição do preço médio, novamente apresenta um aumento dos preços unitários.  “Majorados em 5,31% se comparado ao mês anterior, de janeiro para o corrente mês, a cesta básica acumulou um aumento de 8,13%, indicando sinal de aumento para os próximos meses”, explica Garó.

Os produtos e quantidades estimadas representam uma provisão alimentar para consumo mensal de uma família com três pessoas adultas, ou duas adultas e duas crianças com ganhos médios mensais de até R$ 2 mil.

Conforme a avaliação, com base nas quantias dos preços dos produtos informados nas prateleiras no período da pesquisa, constata-se que o maior custo da cesta básica indica o valor de R$ 637,39, enquanto o menor custo apresenta valor de R$ 550,71.

O assessor da presidência pontua que o resultado do estudo é reflexo do atual cenário econômico do país. “ A inflação e a alta dos custos de importação dos insumos impulsionam o aumento dos preços, bem como o preço dos combustíveis, que também causa um impacto considerável na composição do preço dos itens que compõem a cesta básica”, conclui.

Prefeitura de Cruzeiro do Sul assina contrato com barqueiros para prestação de serviços

Previous article

Acre já aplicou mais de 1,4 milhão de doses da vacinas contra covid-19

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

More in Geral